Skip to content
Please check an answer for every question.
Cookie settings

Total may deposit the following categories of cookies: Cookies for statistics, targeted advertising and social networks. You have the possibility to disable these cookies, these settings will only be valid on the browser you are currently using.

Enabling this cookie category allows you to establish statistics of traffic on the site. Disabling them prevents us from monitoring and improving the quality of our services.
Our website may contain sharing buttons to social networks that allow you to share our content on these social networks. When you use these sharing buttons, a link is made to the servers of these social networks and a third-party cookie is installed after obtaining your consent.
Enabling this cookie category would allow our partners to display more relevant ads based on your browsing and customer profile. This choice has no impact on the volume of advertising.

A segurança de todas as  partes interessadas (Stakeholders) - incluindo os nossos trabalhadores, a força de trabalho do projecto e as comunidades com as quais trabalhamos - é um valor essencial. Temos o compromisso de proteger a saúde e a segurança de todas as pessoas associadas às nossas actividades, directa ou indirectamente. Ao priorizar a saúde e a segurança, estamos a construir a resiliência nas nossas estratégias comerciais de longo prazo e nas comunidades vizinhas. Cumprimos as leis e regulamentos aplicáveis sempre que conduzimos os nossos negócios.

AVALIAÇÃO DO IMPACTO na SAÚDE

Para compreender os possíveis impactos  do nosso projecto no Distrito de Palma para a saúde pública, uma Avaliação de Impacto na Saúde (HIA) para as componentes onshore foi concluída em 2013. Em 2018, a avaliação foi actualizada para abrangir  áreas mais amplas dos distritos de Palma e Mocímboa da Praia bem como o corredor de transporte. Os principais objectivos da HIA do projecto eram:

  • Definir e gerir possíveis impactos espaciais e temporais
  • Evitar ou minimizar os possíveis impactos adversos e significativos à saúde e garantir a gestão de impactos residuais
  • Aproveitar os benefícios do projecto para criar planos de desenvolvimento e investimento a  saúde da comunidade em grande e pequena escala
  • Aumentar a probabilidade de desenvolvimento comunitário sustentável

Plano de Gestão e Monitoria DA SAÚDE COMUNITÁRIA

O Plano de Gestão e Monitoria da Saúde Comunitária (CHMMP) do Projecto Mozambique LNG é o resultado da HIA do projecto e orienta o desenvolvimento de programas específicos da  saúde de  comunidade. O CHMMP detalha os programas e as actividades da  saúde especificas , processos de implementação, locais propostos, duração, potenciais parceiros e critérios de monitoria e avaliação.

A nossa avaliação revelou vários potenciais e impactos, devido ao aumento de pessoas e actividades nas áreas relacionadas. Para ajudar a gerir esses impactos, o CHMMP do projecto inclui as seguintes medidas:

  • Apoiar o desenvolvimento de serviços básicos da  saúde para a população na área de influência do projecto, incluindo as comunidades afectadas pelo reassentamento;
  • Desenvolvimento de programas de controlo da malária para locais de trabalho e comunidades;
  • Desenvolvimento de políticas e programas de projectos relacionados à tuberculose e HIV;
  • Desenvolver e projectar sistemas médicos apropriados baseados no local
  • Desenvolvimento de programas de gestão de contratadas relacionados a acomodação e recrutamento;
  • Desenvolvimento de planos de gestão populacional e recrutamento de mão-de-obra;
  • Apoiar o planeamento urbano induzido pelo influxo e estratégias de capacitação;
  • Apoiar as autoridades locais na criação de planos de desenvolvimento para as áreas afectadas.

O PROGRAMA DA PATHFINDER

Como parte do Plano de Gestão e Monitoria da Saúde Comunitária (CHMMP) do Projecto Mozambique LNG, a Pathfinder International, uma ONG do sector da saúde em Moçambique, foi contratada para implementar um programa integrado da  saúde comunitária. O programa de cinco anos concentra esforços nos Distritos de Palma e Mocímboa da Praia para melhorar a saúde geral dessas comunidades.

Para alcançar esse objectivo, o programa integrado da  saúde comunitária da Pathfinder visa nomeadamente:

  • Expandir o acesso da comunidade a informações e recursos relacionados à saúde;
  • Melhorar os serviços de saúde baseados na comunidade que previnem e tratam HIV, tuberculose e infecções sexualmente transmissíveis
  • Promover comportamentos sexuais e reprodutivos saudáveis;
  • Melhorar os cuidados da  saúde materno-infantil, especificamente crianças menores de cinco anos, mulheres grávidas e meninas e meninos adolescentes;
  • Promover o acesso a água potável, melhorar o saneamento do meio e comportamentos de higiene.

MEMORANDO DE ENTENDIMENTO COM A USAID

Como parte de uma abordagem integrada de intervenções em programas da   saúde, a Total e a Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID) celebraram um Memorando de Entendimento (MdE) para expandir o alcance das intervenções da  saúde nos Distritos de Palma e Mocímboa da Praia. Através desta parceria, a USAID vai contribuir  para a promoção de programas da  saúde integrados nessas áreas geográficas.

O objectivo desses esforços conjuntos de programação é de:

  • Melhorar a saúde reprodutiva e o bem-estar de meninas e mulheres adolescentes;
  • Reduzir a ocorrência de casamentos prematuros e forçados nos Distritos de Palma e Mocimboa da Praia.

Para atingir esses objectivos, o Memorando de Entendimento concentra esforços na melhoria de capacidades multissetoriais, como capacitação económica, social, reprodutiva e educacional.

PROGRAMA DE CONTROLo DA MALÁRIA

A HIA do projecto de 2013 envolveu uma pesquisa de base da  saúde de  comunidades na Península de Afungi. A pesquisa revelou uma prevalência média de malária de 52,3% nos locais amostrados. A pesquisa igualmente destacou a consciencialização e o conhecimento limitados de  comunidade relacionados à malária, que podem resultar num mau comportamento de busca de saúde.

Para melhorar essas condições da comunidade do Distrito de Palma, desenvolvemos um Plano Comunitário de Controlo da Malária (CMCP). O CMCP está alinhado com o Plano Nacional de Controlo da Malária em Moçambique e concentrar-se-á nas actividades do programa, durante a fase de construção do projecto.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS